sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

De volta!






Búúúú!
Te peguei espiando né!



OI!!!!!
Quanta saudade e que susto passamos!
Como sempre as coisas aqui em casa andam uma correria que só! A mamãe bem que se esforça mas a bichinha ainda é um pouco perdida quando tenta arrumar as coisas, cuidar de mim ainda mais quando ela não dorme! Para ajudá-la chegaram a vovó Neuza e o vovô Donato, diretamente de Cuiabá, na verdade eles não sabem ainda, mas agora eles só vão passar uns dias lá no quentinho, pois vão mesmo é morar coimigo, que agora cansei desse povo que vem, me enche de mimos e derepente vai embora! Tá todo mundo confiscado!
Bom vamos ao que interessa, notícias. Até a semana passada eu estava com os "miúdos" em revolta, sempre vomitando um pouquinho, só umas duas vomitadinhas e nem dava para me sujar tanto, o que fez com que os meus pais não se alarmassem tanto, porém os meus pais encucados que são (como todos da raça aliás!), acabaram tirando o leite que eu tomava (via sonda é claro, que aquilo é um horror! Nem minhas fraldas fedem tanto como ele), e vejam só que surpresa. Parei de vomitar. Aha! Aquele leite gosmento e de ouro eu não vou mais tomar, ficaram me dando só sopa e sucos pela sonda e no meio disso fomos para Curitiba para o meu retorno mensal.
Chegando lá que susto quando em consulta com a Tia Dra. Carmem, descobrimos que eu estava com os meus rins (aqueles feijões gigantes que espirram o nosso xixi) quase parando e as minhas plaquetas (aquelas que grudam o nosso sangue quando fazemos dodói) bem baixas. A minha médica quase parou de respirar e os meus pais ficaram com umas caras muuuuito esquisistas... Ela tratou de repetir todos os exames e eu ganhei um negócio chato para caramba que não me deixava dobrar o braço por nada. Precisa ver que dureza era colocar comida na boca e ainda bem que eu uso fraldas caso contrário ir no banheiro seria bem complicado. Bom exames repetidos vimos que realmente meus rins estavam sofrendo devido ao quadro de vômitos prolongado e ao monte de remédios que eu tomo, tive que tomar soro três dias além de um monte de água que colocavam na minha sonda. Com a minha hidratação em ordem eu parei de dormir no chão e aquele calorão que deixava a vovó de cabelos em pé também foi embora. Voltei a dormir a noite toda.
Mas a boa notícia é que as plaquetas baixas foram um erro do laboratório que marcou no primeiro exame míseras 60 mil, e no segundo estava marcando com glória todas as minhas mais de 300 mil plaquetas lindinhas. Ufa! que susto, até falência do transplante a médica cogitou.
Credo! Sai pra lá chulé!
depois do susto aproveitamos a estadia prolongada em Curitiba para passear, eu vi cavalo, carneiro, patos, todos de longe é claro, mas o carneiro acabou caindo no prato do papai e aí não teve jeito, eu adorei e comi um naco! Depois brinquei no balanço com o papai.
Na consulta como eu estava muito bem, tirando a sobrecarga no rim que logo voltou ao normal a minha médica tirou quase metade dos meus remédios e com isso eu comecei a ter vontade de provar algumas comidinhas, o que é muito bom, pois a mamãe está com planos nada educados para minha sonda ...
Com isso eu comecei a mamar muuuuuuito, até a mamãe falar ui! E foi num dia desses quando avancei no pão da vovó que elas perceberam que eu estava passando fome e logo trataram de aumentar a minha ceva. Eu comecei a tomar um leite bem mais gostosinho (bem mais barato) também de nome engraçado, chamado Pediasure, mas o legal é que ele é gostoso, eu provei, mas ainda não me convenceu. Tem gosto de Todinho a mamãe falou, na verdade eu acho que ela tá querendo um golinho, não sei não, vou ficar de olho. Bom, com isso e a vovó na parada passando leitinho e sopas enquanto eu durmo pela minha sonda eu ontem voltei a engordar e a balança marcou 8,865 Kg, todos aqui em casa ficaram muito felizes.
Nós voltamos de Curitiba na segunda-feira, bem, na verdade eu dormi todo o voô de volta não vi nadica de nada, acordei quando chegamos. De Curitiba ficamos sabendo que a minha amiga Lívia estava indo para casa finalmente com células sendo produzidas pelo segundo transplante dela e o terceiro nada... Vai entender, o importante é que pegou, não importa qual! Os meus amigos Felipe e Guilherme estão muito animados com a chegada da irmãzinha deles (está prevista para logo), a mãe dele foi quem falou para a minha do novo leite que estou tomando. Deu certo!
Eu agora com tudo em cima estou com o meu retorno marcado para logo depois da Páscoa, até lá estou aproveitando para brincar muito, comer pedacinhos de bife, carneiro e até polenta eu provei outro dia. Provei, comer ainda é outra história...

Beijinhos degustadores!

9 comentários:

Silbene disse...

Olha queria dizer que realmente não sou culpada de abrir o blog e? que surpresa, sou a primeira. Ai eu penso, escrevo ou não escrevo? Na dúvida, LÓÓÓÓÓgico que não perco a chance. kkkk A tias de plantão me dá essa desculpa, tá?

Bom quantas noticias. E que noticia boa. você? Ganhando peso. Que maravilha. Olha estamos na maior força aqi, pra que as meninas possam logo, logo te visitar. Estamos com muitas, muitas mas muitas saudades. bjinhos meledas e melecados de alegria por você estar bem e esse negócio de coisa tipo assim, rim, funcionado. Será que dá pra você arrumar o telefone dai? só cai na caixa. Quero falar também. Mil bjos e mil abraços, pra mamãe, pro papai, pro vovô e a vovó. Tia sil

Anônimo disse...

Que Deus continue abençoando esse lindo gatinho-herói e que não permita mais esses sustos terríveis!
Beijos e muito carinho da tia-avó (emprestada e oferecida).

Gicélia disse...

Todos os dias, pedimos a Deus por todos vocês. Nunca nos esquecemos dos amigos. Embora não tenhamos tido a oportunidade de conhecer pessoalmente o Paulão, já o consideramos um grande amigo. E ficamos felizes ao saber que ele está se recuperando dia-a-dia. Disponham sempre de nós. Vocês, o Donato e a Neuza. Disponham sempre da gente, vocês que são nossos amigos queridos. Sempre que podemos, estamos lendo as notícias do Paulão. Um grande abraço a todos.

thaisbiscalchini disse...

Dri, tudo bem? É Thais de Pontal, mãe do Arthur, precisava de seu telefone pra conversar c vc a respeito de leites, vc pode me passar? bjs.

Ombudsmãe disse...

Dri, vc é mesmo de aço. Tanta alegria diante de sondas,plaquetas, cocôs, vômitos e rins que não funcionam é algo difícil de imaginar. Já baqueei por coisa bem menor. De qualquer forma, passado o susto, uma notícia boa...a história do transplante da Lívia. Fofa!!!!!! Deus é mesmo maior que tudo.

Um superbeijo,

Taís

Anônimo disse...

Queridos,
glórias e louvores a Ti Senhor que nos proteje.
Continuamos a todo tempo pedindo e agradecendo por tudo que nos foi concedido na vida do Paulo.

Cristiane Fetter disse...

Coisa boa ein?
Tudo bem com o filhote, pai e mãe dormem mais tranquilos.
Beijocas.

Cynthia Pileggi disse...

Oi Paulão,
Você está cada dia mais lindo, com uma carinha de arteiro! É bom deixar seus pais dormirem pelo menos umas 5 horas por noite, sua pilha é mais nova q a deles e o sono dói de dia. Graças a Deus q suas plaquetinhas estão boas, seus rinzinhos trabalhando bem e seus amiguinhos melhorando. Chega de sustos.
Um grande abraço,
Cynthia, Bia e Pedro

Janete Cardoso disse...

Feliz por te ver tão lindo!
Graças a Deus suas plaquetinhas estão lindíssimas aí!
Deus continue te abençoando, anjinho!
Ah e bjo nos papais!